Dicas para levar seu cachorro no barco

Data: 8 março, 2016

Categoria: Barcos

Cachorros, assim como nós humanos, adoram passar um tempo em barcos e alguns se divertem podendo nadar até se cansar. Diversos marinheiros carregam seus animais de estimação pelo mundo e, tomando os devidos cuidados, você verá que seu cachorro será seu melhor amigo até mesmo no meio do oceano.

1. Alguns cachorros adoram pular do barco
Cachorros mais velhos não costumam pular do barco em movimento. Porém, sempre tem um mais maluquinho que, por curiosidade, acaba pulando na água. De dia, enquanto se movimenta, deixe seu cãozinho preso na coleira. De noite o cuidado é dobrado, deixe ele sempre dentro da cabine do barco e, se ele cair na água, o risco de perdê-lo para sempre é muito grande.

2. Tenha bastante água
Cachorros não transpiram igual os humanos. No mar faz bastante calor e ele não pode beber água salgada. Leve e deixe disponível água potável para seu animal de estimação.

3. No mar não tem veterinário
Leve toda a medicação necessária para seu animalzinho. Ele pode ficar enjoado ou ter infestação de pulgas e isso será uma tremenda dor de cabeça para a tripulação. O ideal, antes de embarcar com o cachorro, é passar em um veterinário e conversar sobre as condições que vocês irão passar.

4. Cachorros também enjoam
Os animais não enjoam com a mesma facilidade que nós humanos, mas prepare-se para os dias de mar mais pesado. Leve remédios para enjôo e prepare um ambiente para ele ficar confortável nesses dias.

cachorro-no-barco2
5. Compre um colete salva-vidas para ele
Existem coletes especiais para seu animal e é fundamental que eles usem, pois facilitará trazer ele à bordo quando ele estiver na água. Outra vantagem é que geralmente coletes tem cores fortes que te ajudarão a encontrá-lo na água caso um acidente aconteça.

6. Hora do banheiro
Claro que os cachorros não farão suas necessidades no banheiro do barco, você precisará de tecidos absorventes para o xixi dele não impregnar todo o ambiente. Treine ele a fazer xixi sempre no mesmo local e limpe imediatamente se esse local for dentro da cabine. A umidade constante, o calor e a urina juntos podem causar um horrível cheiro dentro do seu barco.

7. Tenha um pedaço de carpete
Fibra de vidro é bem escorregadio para os animais. Se puder, levar um tapete para deixar no deck do barco, pois isso ajudará o animal a ficar mais confortável e não ficar escorregando toda hora pelo barco. Lembre-se que cachorros são curiosos e tendem a ficar andando de um lado para outro do barco.

8. Cuidado com anzóis e iscas

Não deixe anzóis e iscas de bobeira dentro do barco. Pode acontecer um acidente sério com um cachorro mordendo um anzol e você no meio do oceano. Cuide do seu animal como se fosse uma criança.

9. Curta seu amiguinho
Não deixe seu animal entediado, brinque com ele e lembre-se sempre que o espaço que ele está vivendo é reduzido. Leve ele para nadar de vez em quando e fique atento ao comportamento do cachorro para identificar se ele não está estressado.

10. Faça dele um cão de guarda
Cachorros podem te avisar sobre visitantes indesejados. Fique atento e respeite os avisos que seu animal está te passando. Pirataria é algo comum no mundo dos barcos, assim como ladrões de equipamentos e outros acessórios que ficam no deck do barco. Um cachorro latindo pode inibir a ação dessas pessoas.

cachorro-no-barco3
Muitos velejadores e moradores de barcos vivem com seus animais de estimação em plena harmonia. Não se preocupe e não mude seus planos só porque tem um cachorro ou um gato. Leve ele para navegar com você que é bem possível que ele adore a sensação tanto quanto você.

Bons ventos!!

0 comentários

Compartilhe!
Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no Google+ Compartilhar no LinkedIn Enviar por email
Palavras:

Você vai gostar de ler:

Como construir seu barco

Como usar o sextante

Quanto custa morar em um barco

Melhores barcos para morar

Participe! Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*